Procedimentos faciais

Blefaroplastia

Cirurgia plástica das pálpebras

A região dos olhos é o primeiro lugar a sofrer as consequências do passar dos anos, refletindo os hábitos e estilo de vida da pessoa. A cirurgia das pálpebras irá intervir no excesso de pele, de gordura e até mesmo de flacidez muscular desta região, podendo ser feita tanto nas pálpebras superiores quanto nas inferiores. O resultado não é apenas uma melhora estética, dando uma aparência mais descansada e rejuvenescida, mas muitas vezes ocorre também uma melhora da capacidade visual.

  • Quem pode fazer?

    Não existe uma idade ideal, mas sim condições específicas que indicarão ser o momento de realizar a cirurgia. De uma maneira geral, os problemas nas pálpebras começam depois dos 30 anos.

  • Recuperação

    Durante o período de recuperação, principalmente nos primeiros 2 dias, deverão ser aplicadas na região compressas frias de soro fisiológico para ajudar a diminuir o edema. Para atividades habituais em ambientes externos deve-se usar óculos escuros e filtro solar para proteger os olhos da luz natural e do vento. Na terceira semana já há um resultado muito próximo do almejado, mas é apenas no terceiro mês que o inchaço sairá por completo.

  • Duração da cirurgia

    A cirurgia dura em torno de 90 minutos.

  • Anestesia

    Na maioria dos casos a anestesia é local.

  • Internação

    De quatro a oito horas dependendo se a anestesia for local ou se houver sedação associada.

Dúvidas frequentes

  • Existe uma idade ideal para se operar as pálpebras?

    Não existe uma idade ideal, mas sim a oportunidade ideal. Essa oportunidade é determinada pela presença do defeito a ser corrigido e geralmente ocorre após a terceira década.

  • As cicatrizes são visíveis? Onde se localizam?

    Sendo a pele das pálpebras de espessura muito fina, as cicatrizes tendem a ficar praticamente disfarçadas nos sulcos da pele. Para tanto, deve ser aguardado o período de maturação da cicatriz (3 meses). Pela sua localização são passíveis de serem disfarçadas com uma maquiagem leve, desde os primeiros dias.

  • Qual o tipo de anestesia?

    Pela extensão da cirurgia e boa qualidade dos anestésicos, a maioria dos casos é operada sob anestesia local (em alguns casos, com uma sedação prévia).

    Dependendo da vontade do paciente, poderão ser feitas sob anestesia geral. Reserva-se esta última conduta para os casos em que clinicamente está contra- indicada a anestesia local ou mesmo, quando a blefaroplastia esteja sendo feita simultaneamente a outras cirurgias.

  • Há dor no pós-operatório?

    Geralmente não. Mesmo que ocorra uma sensibilidade maior ou pequenos surtos de dor, estes poderão ser perfeitamente abolidos com o uso de analgésicos comuns. Seu médico lhe prescreverá aquele mais indicado. Não de automedique.

  • Os olhos ficam muito inchados? Por quanto tempo?

    O edema (inchaço) dos olhos varia de paciente para paciente. Existem pacientes que já no 4º ou 5º dia apresentam-se com um aspecto bastante natural e também existem aqueles que apresentam evolução mais lenta e levam de duas a três semanas para atingirem tal aspecto. O uso de óculos escuros disfarça o edema e a realização de compressas frias diminuem a intensidade do mesmo. Somente após o 3º mês é que teremos total regressão do edema.

  • Qual o período de internação?

    Anestesia local: de 4 a 8 horas.
    Anestesia geral: 24 horas.

  • Quanto tempo dura a cirurgia?

    Normalmente, em torno de 90 minutos. Dependendo do caso, existem detalhes que podem prolongar este tempo. Entretanto, o tempo de ato cirúrgico não deve ser confundido com o tempo de permanência do paciente no ambiente de Centro Cirúrgico, pois, esta permanência envolve também o período de preparação anestésica e recuperação pós-operatória. Seu médico poderá lhe informar quanto ao tempo total.

  • O que são as

    Nada mais são do que a infiltração do sangue na pele subjacente, e algumas vezes até na conjuntiva ocular. Isso é decorrente do próprio trauma cirúrgico e não constituirá qualquer problema futuro, sendo totalmente reabsorvido pelo organismo.

  • Quando atingirei o resultado definitivo?

    Após o 3º mês. Entretanto por volta da terceira semana já nota-se um resultado bem próximo ao almejado.

  • Os olhos ficarão ocluídos após a cirurgia?

    Não. Porém recomendamos uso de compressas frias sobre os olhos várias vezes por dia para minimizar o edema.

  • A cirurgia das pálpebras trata as rugas faciais?

    A cirurgia das pálpebras não proporciona rejuvenescimento geral à face quando executada isoladamente, ela trata apenas a região Peri-ocular. Muitas pacientes esperam um grande rejuvenescimento global da face apenas com a blefaroplastia, porém sabemos que para isso, é necessário a associação de procedimentos cirúrgicos maiores.

Entre em contato! »


Procedimentos faciais

Procedimentos Corporais

Cadastre seu email e fique por dentro das novidades!